Archive for Outubro, 2016

Nesta semana continuámos o trabalho de construção dos bancos reciclados (pintura da estrutura metálica e início da colocação dos fios). Neste trabalho agradecemos a colaboração da aluna Inês Santos.
 Procedemos ainda à arrumação da sala de trabalho colocando um novo armário para o arrumo dos materiais.

Continuámos também a preparação das horta abrindo regos para a plantação das favas e ervilhas e cortámos estacas de madeira para suporte da cerca do charco.

(texto elaborado pelas alunas da turma de PCA: Vanessa Rosa e Tatiana Silva)pequenas

 

Ao longo desta semana plantámos flores no “Jardim dos Sentidos” e regámos os restantes canteiros (imagem 1). Também preparámos a terra da horta para plantar ervilhas, favas e couves (imagem 2).

No espaço circundante ao charco, colocámos uma cerca (imagem 3).

(Texto elaborado pelas alunas da turma de PCA: Vanessa Rosa e Olga Cardoso)

 (imagem 1) (imagem 2) (imagem 3)

No dia 16 de Outubro comemora-se o Dia Mundial da Alimentação. Esta comemoração foi criada pela Organização das Nações Unidas-ONU em 1945, com o objetivo de:

- Alertar a população mundial para a fome e desnutrição que ainda existem em muitas partes do mundo;

- Ajudar os países em desenvolvimento (aqueles que são mais pobres) a obter os recursos económicos e técnicos (ou seja, o dinheiro e as máquinas) necessários para conseguirem produzir a sua comida.

Neste dia, em todo o mundo, são feitas ações para chamar à atenção da população para a importância de uma alimentação saudável, como por exemplo, nas escolas e nos meios de comunicação social.

A roda dos alimentos e a pirâmide mediterrânica são uma grande ajuda para aprender a comer bem.

A Roda dos Alimentos é uma representação gráfica circular (prato) que ajuda a escolher e a combinar os alimentos que deverão fazer parte da nossa alimentação diária. Divide-se em segmentos de diferentes tamanhos que se designam por grupos e que reúnem alimentos com propriedades nutricionais semelhantes. Todos os grupos devem estar presentes na alimentação diária, não devendo ser substituídos entre si. Dentro de cada grupo estão reunidos alimentos nutricionalmente semelhantes, podendo e devendo ser regularmente substituídos uns pelos outros de modo a assegurar a variedade necessária. A Roda dos Alimentos é composta por 7 Grupos de alimentos de diferentes dimensões, os quais indicam a proporção de peso com que cada um deles deve estar presente na alimentação diária.
A água, não possuindo um grupo próprio, está também representada em todos eles, pois faz parte da constituição de quase todos os alimentos. Sendo a água imprescindível à vida, é fundamental que se beba em abundância diariamente.

A pirâmide da Dieta Mediterrânica assenta nos princípios de um estilo de vida saudável, em que se privilegia a atividade física diária, a convivialidade, a utilização de alimentos tradicionais e da época, confecionados através de práticas culinárias simples e frugais, assentando assim numa base de sustentabilidade. As orientações alimentares presentes nesta pirâmide dividem-se segundo a frequência diária, semanal ou ocasional .
Na base da pirâmide aparecem os alimentos de origem vegetal, que fornecem um conjunto alargado de nutrientes que ajudam a regular e proteger o organismo, proporcionando um bem-estar geral.
Nos patamares superiores concentram-se os alimentos que devem ser consumidos em menor quantidade e frequência, existindo mesmo os alimentos que devem apenas aparecer na alimentação de forma ocasional ou em festividades (adaptado de www.alimentacaosaudavel.dgs.pt)

Nesta semana continuámos a construir o galinheiro: cortámos as placas de madeira para fazer a montagem na próxima semana.
Plantámos jarros na zona circundante ao charco, limpámos o “Jardim dos Sentidos” e colhemos algumas azeitonas.
Foram colhidas algumas folhas de chá de lúcia-lima.
Nesta semana houve algumas limitações ao trabalho no espaço “Cuidar para valorizar” devido às alterações climatéricas uma vez que houve ocorrência de chuva no período de aulas.

Ao longo desta semana deu-se início à construção do galinheiro (tiraram-se medidas e escolheram-se os materiais). Também foram realizados trabalhos de limpeza na horta.
As árvores de fruto foram regadas, foi recolhido grão-de-bico e também feijões para a próxima sementeira. Foram ainda colhidas algumas folhas de chá de lúcia-lima.
Foi construído um compostor onde serão colocados desperdícios alimentares provenientes do refeitório escolar.
Na próxima semana daremos continuidade à construção das habitações para os animais e continuaremos a fazer a manutenção dos espaços.

(Texto elaborado pelas alunas do PCA: Telma Monteiro e Susete Gomes)

É já amanhã que se comemora O Dia de Aulas ao Ar Livre!

“Esta é uma campanha global criada para celebrar e inspirar a brincadeira e a aprendizagem fora da sala de aula. Queremos mostrar que é a brincar e a aprender ao ar livre que as crianças potenciam as suas capacidades e são mais felizes! Ainda assim, brincar e aprender fora da sala de aula não faz parte dos fundamentos do sistema educativo na maior parte do mundo. Nós queremos mudar esta situação.”

A escola EB 2,3 Mário Sá Carneiro respondeu com entusiasmo a este desafio e amanhã, ao longo de todo o dia, irão realizar-se atividades ao ar livre com as turmas de 2º ciclo.